Paula Garcés

6 anos como DJ e 3 anos produzindo deram a essa colombiana a oportunidade de compartilhar suas criações em múltiplos festivais ao redor do mundo. Em 2015 um de seus tracks foi catalogado como o mais compartilhado em Ibiza, o que a motivou a seguir experimentando com os sons. Amante do house, do techno e do trap, Paula quer continuar melhorando seu processo de criação, aprendendo a operar Ableton Live, bem como outras técnicas de produção e marketing.

Carpenter

Jovem brasileiro e com muita vontade de aprender, leva um ano na indústria musical sendo DJ. Sua paixão é transmitir emoções através de sus mixes e que sua música alcance lugares nunca antes imaginados. A principais influências dele são Ricardo Villalobos, Richard Devine e Akufen: é amante do microhouse e o minimal techno. Carpenter quer melhorar as habilidades para fazer mix, aprender mais sobre engenharia de áudio e masterização, além de adentrar ao mundo da síntese modular.

Phoro

Esta artista uruguaia tem se dedicado a experimentar com a música desde os 18 anos. Ainda que sua primeira aproximação foi com blues e com rock, encontrou na electrônica um meio que lhee permitia dominar totalmente suas criações. Em 2014 produz seu primeiro disco que leva seu nome, no qual plasma reminiscências tribais, com um estilo downtempo e um forte componente melódico. Isso lhe permite dar-se a conhecer na cena de Montevidéu, até conseguir um show no México, impulsionando sua carreira pela América Latina. Em 2017 se muda para Berlim onde além de tocar em lugares icônicos da cena eletrônica, entra pro time da Pulse como curadora artística. Atualmente se apresenta ns clubes mais legendários da capital alemã, sem deixar de lado o interesse pela cena uruguaia e brasileira, na qual tem presência tanto em shows ao vivo como em tracks de selos locais.

Theo Fraga

Viver para a música: esta é a principal motivação desse artista brasileiro. Com 5 años de experiência como produtor, Theo está numa permanente busca por novos sons e formas criativas de produzir, bem como de difundir sua música. Ele gosta do techno melódico, do tribal house e do downtempo, admira artistas como David August, Francesco Tristano e Black Coffee.

Adriano Mattioli

Para este argentino, a música é um elemento social que muda a vida das pessoas, além de ter vivido os últimos 8 anos como produtor, também se dedica à compra e venda de vinis usados, bem como à formação de DJs em diversas tecnologias. Suas influências são várias: gosta de ritmos como o ambient, downtempo e deep house, além de artistas de outros gêneros como Pink Floyd, Gustavo Cerati, Moby e Radiohead.

Felipe Venegas

Com 10 anos de experiência no mundo da produção, Felipe Venegas encontrou na música um lugar para expressar os impulsos artísticos e existenciais. Além de viajar e conhecer novas culturas, esse produtor chileno quer abrir caminho para outros artistas de seu país, por isso ele gostaria de ampliar seus conhecimentos em gestão cultural, além de conhecer mais sobre técnicas de composição e mix. Suas principais influências são Mile Davis e Maurice Ravel.

DVRP

Com 8 anos de experiência como produtor e um amplo conhecimento instrumental de piano, percussão, baixo e guitarra, dar a conhecer a cena peruana é um dos principais objetivos desse artista. Ritmos como o jazz, a música latina e a oriental, tem influenciado bastante em suas criações, as quais espera enriquecer com novas perspectivas e técnicas. Ele gostaria de aprender mais sobre masterização e discutir sobre temas como a contracultura. Na vida diária, usa seu talento musical na própria empresa de som para publicidade e animações.

DJ PLEXO AKA CACERESS

Sua força criativa o caracteriza e seu maior objetivo é se dedicar por completo à música. Esse colombiano tem sido produtor por 10 anos, nos quais aprendeu a tocar o sintetizador, além de usar Ableton Live em seus sets. Está interessado em ampliar seus conhecimentos em masterização, síntese modular e negócios na indústria musical. Algumas de suas influências mais significativas são Ricardo Villalobos, Apollonia e Seth Troxler.

Ōme

Este DJ e produtor mexicano encontrou na música uma manifestação de seu espírito. Seus sons têm múltiplas referências a sua própria cultura, à qual também conhece desde uma perspectiva social, devido a sua formação como antropólogo. Para alcançar isso, usa violão clássico, acompanhado de instrumentos pré-hispânicos, sons e mixes que desde 2017 chegaram à Alemanha, Suiça e Estados Unidos. Algumas de suas principais influências são Acid Pauli, Oceanvs Orientalis e Wide Awake.

Barda

DJ e produtora argentina, apaixonada por experimentar com novas tecnologias para seu live set. Tem 5 anos de experiência e um grande conhecimento musical em diversos instrumentos como violão, teclado, baixo e percussão. Deseja ampliar os conhecimentos em gravação de diversas fontes sonoras e masterização analógica. Suas fontes de inspiração vão desde o synth pop até o folclore, com bandas como The Knife e Los hermanos Berbel. Na vida diária cria oficinas de produção musical e é professora dessa matéria no sistema educativo do país dela.

NICO BORGIO

Emerging from the beautiful cultural Oaxaca and the depths of the mayan jungle Nico Borgio is a musical project which expresses its roots through heavy waves of eclectic House and Deep Techno rhythms. Being a true digger Nico constantly proves his passion and love for music through his dj sets and productions. This project is based on emotions, personality and original essence that was born from a Mexican background with the purpose of telling a story that can transcend into a new experience.